Rosés cheios de charme

Rosés_2

…Traz à memória os perfumes de flores, em especial, a rosa. É delicado, com toques suaves e sedutores. Companhia perfeita para as tardes de verão… Tais palavras, que parecem um poema, descrevem perfeitamente o vinho rosé. Jovem, leve, fresco, alegre e descomplicado, ele vem reconquistando a fama que já teve no passado.

Os rosés encontram seu auge na Europa, principalmente na região do Mediterrâneo, mas ainda são pouco consumidos no Brasil. Puro preconceito. A bebida já conquistou espaço na mesa dos pareciadores de vinho, e casa perfeitamente com nosso clima e estilo descomplicado de levar a vida.

Elaborado principalmente por meio da maceração de uvas tintas que permanecem menos tempo em contato com as cascas, tem como berço de produção a região da Provence, na França, que encanta o mundo com seus coloridos campos de lavanda. Mas não é só na Provence que esses vinhos têm espaço; países como Itália, Portugal e Espanha tem surpreendentes rosés, que casam perfeitamente com a gastronomia local, como o bouillabaisse e a paella valenciana.

Para quem prefere um vinho com mais concentração de cor e sabor, vai encontrar nos vinhos elaborados no Chile e Argentina ótimos exemplares feitos a base de Cabernet Sauvignon e Malbec. Normalmente, esses vinhos são de cor e corpo mais intensos se compararmos aos delicados vinhos da França.

O importante é ter consciencia de que o rosé pode ser sim uma boa alternativa para brancos e tintos. Fácil de gostar, é descomplicado até no preço e devem ser tomados bem jovens, em safras recentes. Ficou com vontade de experimentar? Conheça boas opções disponíveis no mercado:

altosur-res

  • Altosur Malbec Rosé (Via Vini, R$ 42,00): Elaborado pela argentina Finca Sophenia com a uva Malbec, tem aromas intensos, com destaque cereja e amora, e agradáveis notas cítricas. Leve e redondo, confirma as sensações olfativas de frutas com final de boca bastante fresco.

borsao-res

  • Borsao Selección Rosé (World Wine, R$ 52,80): Rosé feito pela Borsao, vinícola queridinha da mídia especializada por conseguir elaborar vinhos de ótimo custo-benefício. Fresco, destaca-se pelos aromas de groselha e notas florais.

Gran Feudo

  • Gran Feudo Rosado ( Vino Mundi, R$ 55,37):  Um dos mais famosos rosés da Espanha, é  elaborado por Julián Chivite em Navarra. Fresco com a uva Garnacha, consegue ser delicado, com aromas bem agradáveis e boa presençano paladar. Boa pedida para acompanhar aperitivos ou paella.

    Poggiotondo

  •  Poggiotondo Rosato: (Vinno, R$ 56,00): Elaborado pela vinícola Poggiotondo, propriedade familiar de Alberto Antonini, um dos enólogos mais respeitados da Itália. Feito com as uvas Sangiovese, Merlot e Shiraz, tem aromas bem agradáveis de cereja e boa estrutura no paladar. Vai bem com saladas e massas com molhos leves.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s