Peça pela uva: Cabernet Sauvignon

13 fev

Considerada a “rainha das uvas tintas”, a Cabernet Sauvignon é clássica, elegante e versátil e está presente em praticamente todas as vinícolas do mundo. Capaz de fazer sucesso em carreira solo ou nas mais diversas combinações, é adaptável a uma enorme variedade de terroirs. Não é por acaso que é considerada uma das variedades mais conhecidas e apreciadas no mundo.

Principal uva da mais importante região produtora de vinhos do mundo, Bordeaux, é responsável pelo estilo de vinho mais copiado do mundo. Acredita-se que as primeiras parreiras desta cepa chegaram ao Brasil por volta de 1900, porém, seu plantio de forma regular aconteceu após a década de 70. Hoje, é a principal uva cultivada no país, ao lado da Merlot.

O aroma típico desta uva lembra amoras, cerejas, ameixas, menta e eucalipto, porém aromas mais complexos aparecem com o passar dos anos. O típico pimentão verde vem das uvas não muito maduras, o que os enólogos tentam evitar.

Independentemente do país ou do estilo escolhido, uma boa taça de Cabernet Sauvignon é sempre uma  oportunidade de degustar uma uva cheia de tradição. Selecionei três opções que podem ser facilmente encontradas no mercado, em diversas faixas de preço:

  • Aurora Varietal Cabernet Sauvignon, Brasil (Imigrantes Bebidas, R$ 17,99) – Ótima surpresa da Aurora em uma faixa de preço difícil de surpreender. Este Cabernet tem estilo do Novo Mundo, com uma boa estrutura, aromas de frutas vermelhas maduras e toques de especiarias. É um vinho para o dia-a-dia, mas seu sabor é acima da média.
  • Los Vascos Cabernet Sauvignon, Chile (Imigrantes Bebidas, R$ 28,99) – Vinho produzido no Chile pela Domaines Barons de Rothschild, vinícola francesa proprietária do famoso Château Lafite. Um vinho chileno, mas com toque francês.  Aromas de frutas maduras, como cerejas, amoras e framboesas e notas de pimenta negra e menta. Taninos macios e ótima persistência no paladar. Ideal para acompanhar todos os tipos de carnes vermelhas, massas com molho escuro e queijos de massa dura.
  • Kaiken Reserva Cabernet Sauvignon, Argentina (Imp. Vinci, R$ 38,00) – Ótimo Cabernet Sauvignon argentino, de produção limitada e a chancela dos inventores do famoso Montes Alpha, o primeiro Cabernet premium do Chile. Um leve toque de Malbec deixa o vinho complexo e interessante. Legal para acompanhar carnes grelhada, assadas, cordeiro e risoto de champignon.

2 Respostas to “Peça pela uva: Cabernet Sauvignon”

  1. Nilcio Freire 29/07/2012 às 19:53 #

    Olá. Gostei muito do conteúdo. Bem explicado, sem rodeios e objetivo. Vou estar sempre por aqui.
    Grande abraço.
    Nilcio Freire – Cabo Frio/Rj.

    Curtir

    • Maitê Marani 30/07/2012 às 15:18 #

      Olá Nilcio,

      Obrigada pelos elogios! A idéia é essa mesmo, simplificar ao máximo o vasto e delicioso universo do vinho. Apareça mais vezes para conferir as novidades!

      Um abraço!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: